Setor Social

Como captar recursos através das redes sociais?

Por 9 de setembro de 2019 Sem comentários

A presença digital para organizações do Terceiro Setor é essencial. A Internet é um poderoso meio de conexão e de comunicação, as redes proporcionam meios para as ONG’s divulgarem sua causa, criarem importância para sua atividade e, principalmente, interagirem com seus doadores ou chegar a novos possíveis apoiadores. Além disso, também permitem uma forma rápida e direta de colaboração, por exemplo, é possível doar para uma organização com apenas um click.

A falta de dinheiro e a falta de mão de obra voluntária são alguns dos maiores problemas das Organizações da Sociedade Civil, nesses casos, o uso de redes sociais é de extrema importância pelo fato de ocorrer uma interação mais próxima com atuais e futuros colaboradores, já que estes são a força fundamental de uma organização sem fins lucrativos. Essa interação se dá no momento em que se cria uma rede social (Instagram, Facebook ou mesmo um blog) e algum conteúdo é produzido para que possa receber feedbacks. Ou seja, é um meio pelo qual os colaboradores podem expressar suas opiniões e se aproximam da causa.

Porém, é extremamente necessário que o propósito e o conteúdo de todas as redes sociais que forem utilizadas estejam em concordância com o objetivo da ONG. É preciso planejar como esse conteúdo será criado para que fique claro e transparente como as atividades da organização são desenvolvidas, como as doações são feitas e qual o seu destino. Além da harmonia, o conteúdo deve possuir qualidade e relevância para prender a atenção de quem está lendo e conquistar os doadores.

Uma ação fundamental para criar um conteúdo de qualidade é conhecer o público que a organização atrai, dessa maneira pode-se estabelecer estratégias de comunicação. Tais estratégias possuem como objetivo transformar o público que se interessa pela causa em um doador e também intensificar a divulgação para trazer mais apoiadores. Ademais, pode ser feito o uso de dados e histórias que apontem os impactos do trabalho que é feito, por meio de ferramentas que criem uma maior percepção das propostas da entidade, como gráficos, vídeos ou imagens.

Por fim, para que ocorra uma captação de recursos efetiva pelas redes sociais, o meio a ser utilizado deve estar organizado e atualizado. Os perfis e os posts frequentes e o feedback claro e rápido da organização são outros elementos indispensáveis para a captação. Tais técnicas despertam um maior engajamento das pessoas e consequentemente geram mais doações e incitam mais voluntários ou colaboradores a contribuir de alguma forma com a organização.